“Então Pedro disse a Jesus: ‘Mestre, é bom estarmos aqui. Façamos três tendas: uma para ti, uma para Moisés e uma para Elias.’ Ele não sabia o que dizer, pois estavam apavorados” (Marcos 9:5-6)

Às vezes, cochilamos em momentos inapropriados. Por exemplo, na igreja. Mas também podemos ser pegos em sonolência espiritual. Dormimos quando devíamos estar falando. Dormimos na hora da vigília, na hora em que Deus nos chama para nos prontificarmos para Ele.

Acho incrível que Pedro, Tiago e João estavam “dominados pelo sono” enquanto o Jesus transfigurado conversava com Moisés e Elias (veja Lucas 9:32). E como se isso não fosse ruim o bastante, Pedro decidiu dizer algumas palavras: “Mestre, é bom estarmos aqui. Façamos três tendas: uma para ti, uma para Moisés e uma para Elias” (versículo 33). A bíblia nos diz que a razão de Pedro ter dito isso foi porque ele estava apavorado e não sabia o que dizer (Marcos 9:6).

Quando você não sabe o que dizer, é melhor ficar de boca fechada. Do contrário, provavelmente dirá algo inapropriado. Mas na defesa de Pedro, vamos entender o que ele estava dizendo. A palavra chave é “aqui”. Pedro queria construir três tabernáculos na montanha onde Jesus estava transfigurado. Pedro quis dizer: “Senhor, é aqui que o Senhor deveria estar, irradiando Sua glória com Moisés e Elias no topo de uma montanha – e não falando sobre prisão e morte. Aqui é onde você deveria ficar. Vamos ficar aqui e nos banhar na glória divina. Esqueçam as necessidades no pé da montanha. Vamos ficar aqui!”

Enquanto o mundo se torna mais obscuro, há uma tendência entre os cristãos de quererem se retirar para a sua própria turma e concentrar-se em suas próprias necessidades e problemas enquanto se esquecem de todas as outras pessoas. Mas aqui está o que devemos lembrar: o nosso objetivo não é nos isolarmos completamente, mas nos infiltrarmos. É ir aonde as pessoas estão e influenciá-las.